Cookies Policy
X

This site uses cookies. By continuing to browse the site you are agreeing to our use of cookies.

I accept this policy

Find out more here

Two New Nematodes Found Associated With Soy-Bean Roots

No metrics data to plot.
The attempt to load metrics for this article has failed.
The attempt to plot a graph for these metrics has failed.
The full text of this article is not currently available.

Brill’s MyBook program is exclusively available on BrillOnline Books and Journals. Students and scholars affiliated with an institution that has purchased a Brill E-Book on the BrillOnline platform automatically have access to the MyBook option for the title(s) acquired by the Library. Brill MyBook is a print-on-demand paperback copy which is sold at a favorably uniform low price.

Access this article

+ Tax (if applicable)
Add to Favorites
You must be logged in to use this functionality

image of Nematologica
For more content, see Nematology.

Faz-se, neste trabalho, a descrição de dois novos nematódeos de vida livre no solo, coletados em Bauru, Estado de Sao Paulo, Brasil, ao redor de raizes de soj a. I) Carcharolaimus formosus sp. n. é a segunda espécie do gênero referida para a fauna brasileira pois, em 1953, foi publicada a descrição de C. pizai Lordello, procedente de Piracicaba, Estado de S. Paulo. provável que C. f ormosus se alimente de oligoquetas, tal como C. pizai, em cujo intestino podem ser vistas cerdas e outras estruturas pertinentes àqueles anelídeos, que não foram digeridas. Apenas se conheciam duas espécies de Carcharolaimus, cuja complexa estrutura labial é provida de dentículos, a saber: C. dentatus Thorne, 1939, e C. pizai Lordello, 1953. De C. dentatus, C. formosus difere pela posição posterior da vulva (V = 48%: V = 57,4%) ; pelos lábios visìvelmente mais expandidos, tão desenvolvidos como em Discolaimus; pela presença de poros ao longo dos campos laterais e ventral, os quais se acham em conexão com grandes células das cordas longitudinais atravez de canais relativamente longos; e, pela ausência de corpos glandulares na base do esôfago. De C. pizai, C. formosus difere pela região labial muito mais expandida; pela presença dos poros referidos; e, por possuir corpo mais longo e esguio (comprimento total = 2.337,0 : 1.635,0 micros; largura = 50,0 : 65,0 micros). É organizada uma chave para auxiliar o reconhecimento de tôdas as espécies conhecidas do gênero Carcharolaimus Thorne, 1939. 2) Dorylaimus bauruensis sp. n. é, sem dúvida, o Dorylaimus mais interessante até o presente referido para a fauna brasileira. O seu notável característico é dado por séries de poros localizados em elevações, fàcilmente visíveis ao longo do corpo. Tais poros relacionam-se com grandes células glandulares das cordas longitudinais. Na porção posterior do corpo, além dos poros, aparecem estruturas que recordam escamas. Tal organização sugere um modo de vida peculiar, o qual, infelizmente, é completamente desconhecido. Compulsando a literatura, nenhuma espécie de Dorylaimus foi encontrada, que se assemelhasse a D. bauruensis. Constitui uma forma única dentro do gênero.

Affiliations: 1: Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz", University of S. Paulo, Piracicaba, Brazil

Loading

Full text loading...

/content/journals/10.1163/187529257x00617
Loading

Data & Media loading...

http://brill.metastore.ingenta.com/content/journals/10.1163/187529257x00617
Loading

Article metrics loading...

/content/journals/10.1163/187529257x00617
1957-01-01
2016-12-07

Sign-in

Can't access your account?
  • Tools

  • Add to Favorites
  • Printable version
  • Email this page
  • Subscribe to ToC alert
  • Get permissions
  • Recommend to your library

    You must fill out fields marked with: *

    Librarian details
    Your details
    Why are you recommending this title?
    Select reason:
     
    Nematologica — Recommend this title to your library
  • Export citations
  • Key

  • Full access
  • Open Access
  • Partial/No accessInformation